13.5.09

gastronomia improvável

3 pessoas pararam por aqui:

He will be Bach disse...

Aqui na capital paulistana, eu já vi um restaurante árabe chamado Jacob. Com "b" e tudo.

E tem outro, chamado Obá (muito bom, aliás) que serve comidas mexicana, indiana e tailandesa, além de oferecer uma sobremesa mineira.

aline disse...

hahahhahahahhahahaha

nossa, que genial!

aline disse...

He will be Bach

Depois o pessoal acha herética a minha idéia de preparar uma travessa de porco kosher…

Aliás, a blogosfera é realmente pequena: você conhece o PQP Bach e o Hermenauta, dois blogs que eu freqüentava e não imaginava ver relacionados.


Aline

Bom, herética não sei se é a palavra… Mas dependendo do lugar, pode ser um menu polêmico, sabe?

A blogosfera, meu caro, é uma portera. Mas o que vc quis dizer com relacionados??


He will be Bach

Hehehe… Essa idéia, na verdade, veio de um amigo judeu. Daqueles que sempre têm uma calúnia no bolso, inclusive contra os judeus.

“Relacionados” porque, mesmo freqüentando ambos os blogs, os comentaristas de um e de outro nunca batiam! Pelo menos até agora, hehehe.

Daí, certo dia, estava eu navegando feliz, alegre e serelepe (lá, lá, lá, lá, láaa…) quando bati o olho naquele “Conheça também” do PQP e vi o seu blog - o qual eu já conhecia, justamente do Hermenauta!


Aline

há, agora eu entendi :)

como eu disse, uma portera.

Postar um comentário

Diga lá.