14.7.09

correspondências

Meu bastante querido irmão Filipe Manoel.

Aqui em colônia, tudo bem. Os mesmos mascates e os mesmos senhores de terras. Apesar do inverno, faz calor nesta terra carioca. Mando-te notícias do Governador Geral da província de São Paulo. Dizem que esteve na Europa, para premiação importante. Um pásquásquás típico desta imprensa bananeira. Lêde e conclua: tamo fodido ano que vem!!!

Um beijo saudoso

Da sua bastante procuradora para assuntos familiares, e irmã,
Aline
Maria

* * *

Olá Aline Maria!
Agradeço pelas informações da Terra Brasilis que vossa mercê me enviou.
Esperava, sinceramente, que fossem informações melhores. Mas vá lá.
Resumo: tamo fudido e meio.

beijos
Filipe Manoel


* * *

Meu bastante estimado irmão Filipe Manoel

Para relativizar a importância da internet e afastar-se do teclado, nada melhor do que visitas e doença. Nossos avós vieram nos visitar na quinta, mesmo dia em que Paulo pegou uma gripe fortíssima. Desenrolando um pouco esses dois acontecimentos concomitantes, sábado nós estivemos no centro histórico do Rio de Janeiro e no hospital. Sim, levamos os velhos para passear: fomos de coche até a praia, onde pegamos uma pequena embarcação para aportarmos no centro do Rio de Janeito, onde está o Paço Imperial, a Capela Imperial e a Cadeia Velha, no lugar da qual foi construído o Palácio Tiradentes, que pertencia ao governo federal antes de descobrirem Brasília, nossa capital legítima, encrustrada no meio do mato e dos lagos centrais. É lindo o passeio. Ficaram mui contentes nossos avós com tantas visitações, embora Zé tenha praguejado demais da conta ao ver fotos de Lacerda, a quem ele firmemente atribui a morte do saudoso Getúlio. Ainda bem que as historiadoras que lá trabalham não ouviram. A Tida gostou da viagem de barco, ficou sentada na janela tanto na ida quanto na volta, e pôde observar o Cristo, o Pão de Açúcar e a ponte Rio-Niterói. Ela maravilha-se com tudo aqui. O Zé não se maravilha com nada, a não ser o mau-humor dos cariocas. Depois disso, volvemos à casa e lanchamos, pois estávamos desgastados de tantas aventuras. E mais tarde jogamos dominó com o Zé; o velho deve trapacear. Sabia nossas jogadas com duas rodadas de antecedência e impacientou a todos. A Dani, sua parceira, em um momento raro de hesitação e dúvida, disse que não sabia o que jogar. Ao que nosso avô respondeu: "joga qualquer coisa e diz que errou". Divertimo-nos, vêde.
Paulo estava muito febril, mas cremos não se tratar de gripe suína. Ele não visitou nenhum chiqueiro recentemente. Não deve ser o influenza H1N1 portanto. E também porque o hospital a que recorremos não aceitou facilmente nos atender porque abarrotado de enfermos estava. O remédio, já que remédio não havia, foi fazer muitas compressas frias e baixar a febre no muque. Consegui, mas contraí eu a gripe. Há três dias na cama, quieta e febril, com sinais de melhora (oh, sim, boas novas). Escrevo-te mais, para contar as novas aventuras de Sarney, nosso bastante respeitado literato.


Um bastante longo beijo
Aline Maria


11 pessoas pararam por aqui:

Haline disse...

Aline, ce é do rio? Tamo querendo organizar um encontro do pessoal do twitter. Pra gente "fofocar" ao vivo. rs Agora no tópico, sabe, eu adoro seus posts e mais ainda seu comentários por ai, como no ébompraquemgosta, fico torcendo pelo bom debate. rs bjobjo

lu disse...

hahahaha
"joga qualquer coisa e diz que errou"!
ganha e ainda dá uma esnobada.
fiquei imaginando tida se maravilhando de tudo e zé se maravilhando de nada a não ser o mau-humor dos cariocas, haha.
melhoras pra você, querida :x

marcus disse...

Lindo.

Anonymous disse...

sabedoria do Zé.
singelas, as cartas. adorei.
se cuida
madoka

Ana E. disse...

(L)

Daniele disse...

"A Dani (...) em um momento raro de hesitação e dúvida"

to me perguntando se eu te chamo ou não de TROXA...
¬¬

hauahuahauhauhauauah

bjo cotchô
e nóis na saúde e principalmente na doença
(belzin filhogi...hehe)

Daniela disse...

Que coisa mais doce! Melhoras pra vocês dois. Beijo grande.

aline disse...

Haline, eu moro em Niterói.
E brigada... eu tbm gosto de debate. :)

Lu, hahahaha, foi bem legal mesmo. Meu avô é tão bom no dominó que ele dobrava o salário dele apostando em si mesmo, quando mais novo. Botequeiro de primeira, ele.

Marcus, obrigada. :)

aline disse...

Ah, Madoka, meu vô é figura. Gostou das cartas? É a troca de mails recente com o Filipe. Se outras bonitinhas surgirem eu posto de novo.
Ezequiel recebeu seu postal, amou, amou de paixão. É um dos preferidos dele, pelo o que eu soube.
Beijos querida, e obrigada pela força.

Ana E. \o/

Dani(ele), te cuida aí, fia, que eu me cuido daqui. Cof, cof cooof

Dani(ela), podexá, tô a base de xarope e antibiotico. Nham-nham... :)
:***

Anonymous disse...

Aline,
escolhi a dedo o postal pra ele. Eu achei fofíssimo, então pensei, é esse mesmo. Que bom saber que gostou, fiquei oohh :))))))))
a propósito, vc e Paulo já tem O D´Artagnan? vi esses dias, lá no perfil. Aquele túnel é o Ayrton Senna? ou é Rio, só curiosidade hehehehehe.
beijokas
madoka

Anonymous disse...

hehe
diretamente da Capital... vim ver seu blogui!!! :p

bjo, Li!

Fi

Postar um comentário

Diga lá.